Alta nos preços de carnes bovina e de frango

O brasileiro tem sentido no bolso o aumento significativo nos preços das carnes nos últimos meses. É comum ouvir queixas dos consumidores nos supermercados e açougues.

Mas você sabe o que motivou esse aumento repentino?

A resposta está na reação dos países diante da pandemia do Novo Corona Vírus.

Com a vacinação avançada, muitos países estão se recuperando economicamente e importando mais.


Um exemplo disso, é o que aconteceu com a procura internacional por commodities, o aumento na procura por soja e milho que formam a base da alimentação de animais como boi, porco e aves.


A valorização do dólar também contribuiu para essa alta nos preços. Os agricultores optam por exportar para ganhar mais, considerando que o dólar atualmente vale mais que o real.


Com esse aumento, colocar carne na mesa do brasileiro está cada vez mais difícil. Os supermercadistas não podem ficar no prejuízo e são obrigados a repassar esse aumento para os consumidores.



A procura por carnes nobres caiu consideravelmente por conta da alta dos preços. As carnes consideradas de segunda também estão sofrendo este impacto. Muitos consumidores estão optando por usar a criatividade e reinventar pratos com opções de proteínas que caibam no seu orçamento familiar.


Um reflexo dessa situação é a informação trazida pela ABPS (Associação Brasileira de Proteína Animal) que afirma que o consumo per capta de ovo no Brasil deve atingir 265 unidades neste ano, um aumento de 6% comparado ao ano de 2020.

O aumento nos preços das carnes bovinas e de frango é diretamente proporcional ao aumento do consumo do ovo.


Comercialmente, devemos esperar uma alta também nos preços dos ovos devido a essa grande procura.





Precisamos entender como supermercadistas que possuímos responsabilidade social e precisamos ofertar opções de compras para os nossos consumidores.

Explore cortes de carnes com custo mais baixos, mostre ao seu cliente opções para que ele consiga levar esse alimento para casa. Estude suas margens, faça ações voltadas para proteínas.


Acreditamos que em breve também avançaremos com a vacinação dos nossos cidadãos e a nossa economia mostrará resultados satisfatórios. Enquanto isso não acontece, vamos juntos compartilhar informações, experiência e conhecimento para vencermos mais esse desafio.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo