A importância da organização do seu supermercado para aumentar as vendas

Para um supermercado operar de forma lucrativa precisamos estar atentos a diversos fatores que influenciam diretamente no faturamento do estabelecimento. Além de dedicar atenção às negociações de compras, que possibilitam a realização de ofertas especiais para os consumidores, precisamos utilizar recursos que os estimulem a comprar ainda mais!


Hoje em dia dispomos de informações técnicas muito valiosas que podemos aplicar facilmente dentro do varejo. O neuromarketing por exemplo, pode e deve ser usado como ponto de partida para estimular o aumento das compras.


Estudando o comportamento humano e como o cérebro reage a certos estímulos podemos conduzir os passos dos nossos clientes durante toda a jornada de compras.



A Flink trouxe neste artigo as principais técnicas que vêm gerando resultados positivos nas grandes redes de supermercado.


1- Cross merchandising

Essa técnica consiste em expor produtos que se complementam próximos uns dos outros para incentivar o cliente a adquirí-los inconscientemente.

Por exemplo, no setor de limpeza você deve colocar as esponjas próximo ao detergente pois um produto remete ao outro, no setor de laticínios você deve expor os achocolatados próximos ao leite. Isso ativa um gatilho mental no seu cliente e acaba induzindo-o a comprar mais e consequentemente aumentar o ticket médio do seu supermercado.


2- Padarias e Açougues no fim da loja

Por vezes o seu cliente precisa comprar apenas um item do açougue ou da padaria, porém acaba tendo que percorrer toda a loja para chegar até o final e pegar o item que ele queria. Durante esse percurso as chances do cliente lembrar que precisa comprar outros produtos apenas porque o viu exposto nas prateleiras aumenta consideravelmente.


3- Organização das gôndolas

Existe uma técnica para organizar as gôndolas de maneira que incentive o seu cliente a comprar o produto que é mais lucrativo para você! Exponha os itens de maior lucratividade na parte de cima das gôndulas, no campo de visão do seu cliente, já os produtos com baixa margem de lucro devem ficar acondicionado na parte inferior, onde o seu cliente tem uma maior dificuldade para encontrá-los.

Esses produtos devem ficar preferencialmente no fim dos corredores, para estimular o seu cliente a andar mais por sua loja e sentir-se mais atraído para comprar mais.


4- Guloseimas no checkout

Além de funcionar como um passatempo na hora de esperar na fila, colocar guloseimas a disposição dos clientes ativa o gatilho do merecimento, seu cliente sentirá que merece um chocolate ou coisa afim neste momento. Afinal de contas ele acabou de terminar uma jornada cansativa e precisa de uma recompensa, não importa quanto ela custe.



A experiência de compras é o ponto principal para agradar o cliente do varejo. Saber como usar o comportamento humano ao nosso favor nos coloca um passo a frente dos nossos concorrentes.

9 visualizações0 comentário